22 de agosto de 2011

que assim seja


Ah como era doce, nos olhares, sorrisos, palavras... 
Em cada frase ou gesto teu encontrei o amor, amor que não se encontra mais em qualquer esquina da vida, amor raro, mais precioso que toda a riqueza desse mundo. Amor por acaso, amor inventado, criação da nossa mente fora do comum, que não se entende e nem se explica. Meu amor por você é um olhar, é uma risada, é um abraço, é a saudade.  Você coloriu meu preto e branco, pintou tudo de roxo, roxo e amarelo, talvez um pouco de vermelho da paixão, verde da esperança, rosa do afeto, fez do meu céu azul um único arco-íris de cores, cores e amores.
Ah como é doce esse amor...

Um comentário:

  1. Tô com blog novo, segue lá?
    http://meianoiteeumquarto.blogspot.com/

    beijo!

    ResponderExcluir